Balanço das Atividades e Sugestões

postado em 24 de ago de 2011 21:52 por Fábio de Cristo   [ 7 de out de 2014 16:52 atualizado‎(s)‎ ]
Autor: Fábio de Cristo, psicólogo (CRP-17/1296), doutor em psicologia e pesquisador colaborador na Universidade de Brasília, onde desenvolve pós-doutorado sobre o comportamento no trânsito. Administrador do Portal de Psicologia do Trânsito (www.portalpsitran.com.br) e coordenador da Rede Latino-Americana de Psicologia do Trânsito. Autor do livro "Psicologia e trânsito: Reflexões para pais, educadores e (futuros) condutores".
* * *

O período Natalino nos inspira reflexões sobre nossa conduta e sobre o resultado de nossas ações no decorrer do ano, ensejando renovação e aperfeiçoamento nas nossas relações conosco, com o próximo e com o nosso trabalho.

Aproveitando este clima, é tempo de realizar um balanço sobre as atividades empreendidas aqui em nossa coluna, em pouco mais de um ano de existência...

Ao longo deste período, foram abordados diversos temas relativos ao trânsito de pessoas e veículos, de modo a proporcionar reflexões e mudanças de comportamentos, tanto ao volante, quanto ao caminhar.

Várias linhas foram escritas sobre temas que abordaram o trânsito como um espaço de convivência social; o papel dos pais enquanto os primeiros instrutores de trânsito; os perigos potenciais do aprendizado ao volante fora da auto-escola; temas que transmitiram informações para que os natalenses soubessem e refletissem sobre os problemas do trânsito de nossa cidade; sobre a manutenção veicular para a proteção ambiental como uma necessidade; a importância da comunicação das mudanças no trânsito para a diminuição dos riscos de acidentes; sobre o uso da internet na educação de trânsito; de sugestões para promover segurança no trânsito; além de prestar alguns esclarecimentos sobre as emoções ao volante, só pra citar os artigos mais recentes.

No decorrer do ano, a coluna Psicologia e Trânsito recebeu vários acessos. Pessoais de diferentes lugares do Brasil e do Exterior deixaram comentários e mandaram e-mails, elogiando, agradecendo, incentivando, criticando os artigos, visando sempre a boa comunicação, o que me deixa, particularmente, bastante feliz.

Recebemos visitas da Espanha, Portugal, Angola e Estados Unidos. No Brasil, além das visitas dos internautas do Rio Grande do Norte, recebemos visitas de Pernambuco, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Espírito Santo, Santa Catarina, Ceará, Mato Grosso do Sul, Pará, Bahia, Paraná e Piauí.

Acredito que, com isso, o conteúdo dos artigos parece ser interessante não só para a realidade local (Natal), mas também nacional, uma vez que os artigos publicados variam quanto à temática, e procuram acompanhar a dinâmica dos acontecimentos e dos problemas vivenciados pelas pessoas no Brasil; além de servir de fonte de informação para os brasileiros que moram no exterior.

Muitos comentários foram postados pelos internautas, que expressaram o produto de suas reflexões e suas atitudes de mobilização para um trânsito melhor, sendo possível identificar, desse modo, que os textos atingiram um público variado, desde os cidadãos comuns, estudantes universitários e do ensino médio, que não trabalham com o trânsito profissionalmente, até os profissionais do trânsito, como, por exemplo, policiais rodoviários federais, psicólogos do trânsito, supervisores de segurança de transportadora, funcionários de Detrans, instrutores e diretores de auto-escolas.

Todas essas pessoas, de algum modo, se interessaram pela coluna, seja como fonte de informação, de pesquisa, de trocas profissionais, de manifestação de opiniões e reivindicação de direitos.

O trabalho desenvolvido nesta coluna também rendeu divulgação em congressos científicos de trânsito, como o Congresso Trânsito e Vida – 5° brasileiro e 1° Internacional - em que mostramos nossa iniciativa e viabilidade de ações como estas a partir dos próprios órgãos responsáveis pelo trânsito.

Além da divulgação científica, os textos escritos despertaram o interesse da mídia de nossa cidade, que utilizaram algumas informações aqui divulgadas para subsidiar reportagens e matérias sobre trânsito, pondo em destaque as discussões sobre a conduta humana no ambiente do tráfego.

Isto demonstra que a Internet é, realmente, um meio de comunicação que possibilita ampla divulgação das informações e pode ser muito bem utilizada como instrumento de educação para o trânsito. Demonstra, ainda, que o objetivo e as expectativas dos resultados que tínhamos em relação à coluna, estabelecidas desde o primeiro texto publicado em novembro de 2006, estão sendo efetivamente atendidos.

Por tudo isso, venho expressar meus sinceros votos de agradecimento à todos os leitores que, com muita paciência, têm acompanhado os textos publicados, aos profissionais do trânsito que têm divulgado esta iniciativa e utilizado nosso conteúdo para discutir/esclarecer os seus funcionários, parceiros e sociedade, e à psicóloga Lílian de Oliveira, pela valiosa contribuição em dois dos textos publicados.

Finalizando, gostaria que os leitores deixassem sugestões de temas, assuntos, discussões, esclarecimentos etc., relativos ao trânsito de pessoas e veículos, que deverão ser abordados nos próximos textos em 2008.

Desejo à todos um Feliz Natal e que possamos continuar aperfeiçoando nossos conhecimentos em prol de um trânsito mais harmônico. Boas Festas!

Comments